POETAS DO BRASIL

Blog para divulgar poetas brasileiros e estrangeiros que têm participado das atividades do Congresso Brasileiro de Poesia, realizado anualmente na cidade de Bento Gonçalves/RS, sempre na primeira semana de outubro

sábado, abril 10, 2010

ERENITA CLARO ÁVILA — Casada, três filhos, 63 anos. Quarenta anos dedicados ao Magistério Público. Alfabetizadora, sindicalista, poetisa, professora de Português e Literatura. Artista plástica, pesquisadora da História do Município para o Curso Fundamental. Bibliotecária na E.E.E.F.Manoel da Silva Pacheco em Camaquã, é uma das coordenadoras da Semana do Livro na escola, em sua 8ª edição.

MEU CORAÇÃO MIOSÓTIS

© ERENITA CLARO ÁVILA

Meu coração é simples
Pode morar fora de mim, num miosótis
Até ele formaria um mundo azulado
Ali todos seriam bem recebidos e fraternos
O aroma seria de outras flores
Poderia ser de laranjeira

O balanço do miosótis
Seria o embalo de sua batida cardíaca
Junto com outros iguais
Quando a humanidade tiver sintonia
De um só coração
O mundo seria uma poesia

Meu coração fala e ouve outros
Tiquetaques feios e azedos
Mesmo assim, ele grita e fala:
— Quero viver num mundo sem misérias
Sem criança com fome e frio
Sem sacanagens e mentiras
Sem falsos amigos
Sem tanta saudade.

Ele é tão azul!


0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial