POETAS DO BRASIL

Blog para divulgar poetas brasileiros e estrangeiros que têm participado das atividades do Congresso Brasileiro de Poesia, realizado anualmente na cidade de Bento Gonçalves/RS, sempre na primeira semana de outubro

sexta-feira, abril 09, 2010

MARILENE CAON PIERUCCINI — Ocupa a cadeira nº 15 da Academia Caxiense de Letras, no cargo de secretária desde 2002, sendo agraciada como Acadêmica do Ano em 2004-2005. Recebeu em 2008 o título de “Cidadã Caxiense” pelas realizações voluntárias em prol da cultura do município. É membro da Comissão de Avaliação e Seleção (CAS) de projetos culturais desde a sua primeira edição em 2003 e do Conselho Municipal de Cultura desde a sua criação em 2005. Realizou a pesquisa de material e a correção dos textos da obra “Lendas do Brasil” co-edição Brasil/Espanha. Tem as seguintes publicações: “Retalhos de Mim”; “volume nº 4 da Coleção Poetas de Orpheu, Espanha/Brasil: Retales/Retalhos”; “Os Sertões na Teoria de Carl Gustav Jung”; “Retalhos de Uma Alma Nua”; “História do Aço no Brasil”. Antologias: Reverberações; 500 Anos Terra Brasilis; Grandes Escritores do Cone Sul 2; Grandes Escritores do Cone Sul; 500 Outonos de Prosa e Verso; Vigor de Primavera; Reflexos de Outono. “Orelhas dos livros”: Deus não é Estúpido, de Antonio Galiotto; Viola de Rua de Eduardo Dal’Alba; Terra Brasilis, edição luso-brasileira da Abrali.com.br. Contracapa do livro Dos tijolos da Suméria antiga aos bytes da atualidade de Delmino Gritti. Atualmente dedica-se a estudos psicanalíticos, especialmente as Teorias de Carl Gustav Jung, Sigmund Freud e Leopold Szondi. Estudos sobre teorias literárias; sobre escolas de poesia; sobre teorias administrativas (Gestão do Conhecimento); pesquisas históricas; produções literárias; produções artísticas; folclore gaúcho e brasileiro.

PRELÚDIO

© MARILENE CAON PIERUCCINI

No espaço da noite os passos
Da hora que se nega ir embora

Assola lento o tempo aflito
O grito de vento d’alma

Calma, que’inda chora
Os traços de idos abraços

Argamassa, no peito amassa
Desfeito leito, pedaços de você

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial