POETAS DO BRASIL

Blog para divulgar poetas brasileiros e estrangeiros que têm participado das atividades do Congresso Brasileiro de Poesia, realizado anualmente na cidade de Bento Gonçalves/RS, sempre na primeira semana de outubro

sexta-feira, fevereiro 09, 2007


LEO LOBOS - nasceu em Santiago do Chile, em1966). É poeta, ensaísta, tradutor e artista visual. Laureado UNESCO-Aschberg de Literatura 2002, realiza uma residência criativa em CAMAC, Centre d´Art Marnay Art Center ,emMarnay-sur-Seine, França. Publicou entre outros livros: “Cartas de más abajo” (1992), “+Poesía” (1995), “Ángeles eléctricos” (1997), “Turbosílabas.Poesía Reunida 1986-2003” (2003). Escreve para vários jornais, revistas e sites e tem lido seus textos de arte e literatura no Chile, Argentina, Peru, Brasil, México, Cuba, Estados Unidos, Espanha, França e Alemanha. Co-fundador do coletivo multidisciplinar "Pazific Zunami" junto aos artistas visuais Alex Chellew e Rafael Insunza no final dos anos noventa. É tradutor ao espanhol de vários poetas brasileiros como Hilda Hilst, Tanussi Cardoso, Helena Ortiz, Roberto Piva, Cristiane Grando e Herbert Emanuel entre outros.

ARDENDO SOB AS ÁGUAS

© LEO LOBOS
"As barcas afundadas. Cintilantes
Sob o rio. E é assim o poema.
Cintilante
E obscura barca ardendo sob as
águas"

Hilda Hilst

Nos inícios de uma
constante, de um contínuo
secreto, aqui, lá, mais longe
de tudo de todos os
enigmas ardem sob
as águas estes momentos
de verdadeiro egoísmo
de guerras totais
misérias humanas
restos
dinheiro sujo
ignorância
estupidez

a memória será acaso a
presença do ausente?

(Porque tudo o que tocamos se converte em mundo, o
animal que seremos agoniza nessa jaula.
Leo Lobos, Santiago do Chile, 1993.)

Tradução: Cristiane Grando

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial