POETAS DO BRASIL

Blog para divulgar poetas brasileiros e estrangeiros que têm participado das atividades do Congresso Brasileiro de Poesia, realizado anualmente na cidade de Bento Gonçalves/RS, sempre na primeira semana de outubro

quinta-feira, novembro 27, 2008

JACQUELINE BULOS AISENMAN — filha de Richard Calil Bulos e Terezinha Soares Bulos, natural de Laguna (Santa Catarina) e residente desde o ano de 1990 na cidade de Genebra, Suíça.
Entre Laguna e Florianópolis colaborou com vários jornais como redatora e revisora. Foi diretora dos Museus Anita Garibaldi e Casa de Anita e também do Departamento de Cultura da cidade de Laguna.
Foi para Genebra trabalhar para a Missão do Brasil junto às Nações Unidas. Ali permaneceu durante treze anos.
Seu primeiro livro de poesias fazia parte de um projeto que criou chamado "Faça o seu próprio livro". Editou "Pedaços de Mim e Coisas Assim" em 1990. Em 1994 reuniu pensamentos e poemas e fez uma pequena tiragem para familiares e amigos próximos de “Muito Mais do Que Solidão”. Depois, silêncio por mais de dez anos. Em 2007 editou “Coracional”, 400 páginas, um velho sonho. Atualmente edita o blog “Certas Linhas Tortas” (
http://certaslinhastortass.blogspot.com/ desde 2006) e o site “Coracional” (http://www.coracional.com/) , sobre a cidade de Laguna e toda sua memória, em fotos e textos. Paralelamente escreve novo livro “Sentimentos Confiscados” e contribui com textos e fotografias para outros sites. Como já deu para perceber, sua vida é escrever!

Corte

Vou esvaziar a sala
Jogar os móveis no
olho da rua
Fazer minha mala
e partir
semi-nua.
Antes arrebentarei
a fechadura
da porta da cozinha
e me sentindo rainha
me libertarei
da tua ditadura.
Pulando a janela
Do terraço
Estarei dando um
passo para a eternidade.
Levando o coração
tranqüilo
Voarei livre e longe
Da tua falta
de equidade.
Partida ganha
Partida perdida
Jogada estranha
mas não
dividida


3 Comentários:

Anonymous Anônimo disse...

Parabéns querida poeta barriga verde, Jacqueline! Obrigada pela oportunidade de conhecer este espaço dos artistas da palavra de Bento Gonçalves. Conheci essa cidade e posso dizer que adorei.Foi numa noite de trezena de Santo Antonio, o padroeiro de Bento!
Bjão da Fatima de Laguna/SC.

7:31 AM  
Blogger Zuleida disse...

Oba!!! Mais um espaço de cultura! Parabéns , Jacqueline, pela bela poesia!
Abraços
Zuleida
Laguna

7:24 AM  
Anonymous Andrea Lucia disse...

Lindo poema!!!
Um grito de liberdade... super bem dado..risoss
Parabéns!
Beijos,
Andrea.

2:38 AM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial